Prime Contabilidade

Conheça as mudanças no eSocial Simplificado

O governo federal anunciou a implementação do eSocial Simplificado, que substituirá o eSocial atual, com um novo layout. O sistema entrará em operação a partir de 2021, mas as empresas já precisam se adequar às novidades desde já. Por isso, a Prime Contabilidade vai mostrar neste texto o que mudará no ano que vem.

De acordo com informações divulgadas em seu site oficial, o governo federal dialogou com diversas categorias para implementar o novo sistema e chegar ao modelo que irá vigorar de 2021 adiante.

Entre os setores e entidades que participaram do debate, estão: Confederações Patronais, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), o Sebrae e a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon).

Objetivos

O eSocial Simplificado tem o intuito de desburocratizar a prestação de informações por parte das empresas brasileiras. A ideia é que o sistema não solicite mais dados conhecidos, bem como, elimine pontos de complexidade.

Tudo isso será possível a partir de um layout mais moderno e simples, a partir do qual, haverá uma integração e continuação de informações inerentes ao eSocial, respeitando o investimento feito por empresas e profissionais autônomos.

Mudanças

O novo layout terá menos campos a serem preenchidos, com a redução do número de eventos dentro do sistema. Além disso, a prestação de informações relacionadas a obrigações fiscais, previdenciárias e depósitos de FGTS também ficarão mais fáceis.

Outras vantagens no eSocial Simplificado são: declaração de remuneração e pagamentos feitos de forma mais prática, além da utilização do CPF como identificação única do trabalhador, sem a necessidade de outros dados.

As regras atualmente impostas para o impedimento de recebimento de informações também vão sofrer amplas flexibilizações. Exemplo: alteração no fechamento da folha de pagamento – possíveis pendências vão gerar alertas e não mais erros no sistema.

Substituições de obrigações acessórias

Ainda segundo o governo federal, o eSocial Simplificado vai ser integrado com outros sistemas. Isso permitirá ampliar as substituições de obrigações acessórias atuais. Por exemplo:

  • CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho);
  • CD (Comunicação de Dispensa);
  • PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário);
  • DCTF (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais);
  • MANAD (Manual Normativo de Arquivos Digitais; Folha de pagamento);
  • GRF (Guia de Recolhimento do FGTS).

Calendário do eSocial Simplificado

O cronograma completo pode ser visto em: https://cutt.ly/6gDLMrX. Confira o seu grupo e não perca os prazos!

Já que se adequar ao novo sistema? Consulte a Prime Contabilidade e saiba como!